PAS 2020: UnB adia provas das etapas 1 e 2 por conta da pandemia

Imagem de arquivo mostra estudante procurando nomes na lista de aprovados no vestibular da UnB — Foto: Emília Silberstein/Secom UnB 1 de 1
Imagem de arquivo mostra estudante procurando nomes na lista de aprovados no vestibular da UnB — Foto: Emília Silberstein/Secom UnB

Imagem de arquivo mostra estudante procurando nomes na lista de aprovados no vestibular da UnB — Foto: Emília Silberstein/Secom UnB

A Universidade de Brasília (UnB) adiou, nesta sexta-feira (29), as etapas 1 e 2 do Programa de Avaliação Seriada (PAS). As provas estavam previstas para os dias 21 e 14 de março, respectivamente, e, agora, serão aplicadas em 27 e 20 de junho (veja cronograma abaixo).

Apenas a etapa 3 da prova está mantida para o dia 7 de março. A instituição afirmou que o adiamento das primeiras etapas não representa prejuízo aos estudantes, já que o ingresso na universidade não ocorreria em 2021, como para aqueles que estão na última fase.

Devido ao adiamento das primeiras etapas, a UnB também prorrogou as inscrições para as provas até 26 de fevereiro. Os editais estão disponíveis na página do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

De acordo com a instituição, a medida foi tomada após análise do cenário epidemiológico do Distrito Federal e do Brasil. A UnB informou que houve aumento de contaminação pelo novo coronavírus “em muitas localidades”.

Segundo a universidade, medidas para ampliar a segurança sanitária já tinham sido tomadas. Entre elas, a realização das etapas em fins de semana separados.

Além disso, a unidade de ensino reforçou que a terceira fase, historicamente, tem menor número de inscritos. Este ano, por exemplo, são 15 mil candidatos, número inferior às edições anteriores, que tinham cerca de 70 mil pessoas.

Veja o novo cronograma de provas:

  • 7 de março: Terceira etapa
  • 20 de junho: Segunda etapa
  • 27 de junho: Primeira etapa

Inscrições

A taxa de inscrição para o PAS/UnB custa R$ 120. Alunos inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal para programas sociais têm direito a isenção, assim como estudantes da rede pública que tenham renda per capita de até um salário mínimo e meio, e 75% de frequência nas aulas.

No início do ano passado, estudantes aprovados no PAS comemoram na UnB

No início do ano passado, estudantes aprovados no PAS comemoram na UnB

No momento do cadastro, candidatos que vão se inscrever para a primeira etapa devem inserir uma fotografia individual, colorida, tirada nos últimos seis meses e com fundo branco, em que, necessariamente, apareça a cabeça descoberta e o tronco.

VÍDEOS: países que se destacam no ranking mundial da educação

Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.