'Pandemia' é eleita a palavra do ano 2020 pelo dicionário Merriam-Webster

A palavra "pandemia" (pandemic, em inglês) foi escolhida como palavra do ano 2020 pelo dicionário Merriam-Webster nesta segunda-feira (30) — Foto: Jenny Kane/AP 1 de 2
A palavra “pandemia” (pandemic, em inglês) foi escolhida como palavra do ano 2020 pelo dicionário Merriam-Webster nesta segunda-feira (30) — Foto: Jenny Kane/AP

A palavra “pandemia” (pandemic, em inglês) foi escolhida como palavra do ano 2020 pelo dicionário Merriam-Webster nesta segunda-feira (30) — Foto: Jenny Kane/AP

O dicionário Merriam-Webster anunciou “pandemia” como sua palavra do ano em 2020 nesta segunda-feira (30).

“Isso provavelmente não é um grande choque”, disse Peter Sokolowski, editor geral da Merriam-Webster, à agência de notícias Associated Press.

“Muitas vezes, uma grande notícia tem uma palavra técnica associada a ela e, neste caso, a palavra pandemia não é apenas técnica, mas tornou-se geral. É provavelmente a palavra pela qual vamos nos referir a este período no futuro ”, disse ele.

A palavra assumiu uma especificidade urgente em março, quando a crise do coronavírus foi designada uma pandemia, mas já havia começado a crescer no Merriam-Webster.com no início de janeiro e novamente em fevereiro, quando ocorreram as primeiras mortes e surtos nos Estados Unidos e em navios de cruzeiro.

Em 11 de março, quando a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o novo surto de coronavírus uma pandemia global, as buscas por “pandemia” no site aumentaram enormemente. O interesse pela palavra permaneceu significativamente alto ao longo do ano, disse Sokolowski.

‘Pandemia não é uma palavra para ser usada de forma leviana’, diz diretor da OMS

‘Pandemia não é uma palavra para ser usada de forma leviana’, diz diretor da OMS

Por enorme, Sokolowski quer dizer que as pesquisas por “pandemia” em 11 de março foram 115.806% maiores do que as pesquisas na mesma data no ano passado.

Pandemia, com raízes em latim e grego, é uma combinação de “pan”, para todos, e “demos”, para pessoas ou população. A palavra pandemia data de meados de 1600, usada amplamente para “universal” e mais especificamente para doença em um texto médico da década de 1660, disse ele.

Isso foi depois das pragas da Idade Média, segundo Sokolowski.

Ele atribui o tráfego de pesquisa de pandemia não inteiramente aos pesquisadores que não sabiam o que isso significava, mas também àqueles em busca de mais detalhes, ou para inspiração ou conforto.

A palavra "pandemia" (pandemic, em inglês) foi escolhida como palavra do ano 2020 pelo dicionário Merriam-Webster nesta segunda-feira (30) — Foto: Jenny Kane/AP 2 de 2
A palavra “pandemia” (pandemic, em inglês) foi escolhida como palavra do ano 2020 pelo dicionário Merriam-Webster nesta segunda-feira (30) — Foto: Jenny Kane/AP

A palavra “pandemia” (pandemic, em inglês) foi escolhida como palavra do ano 2020 pelo dicionário Merriam-Webster nesta segunda-feira (30) — Foto: Jenny Kane/AP

“Vemos que a palavra amor é buscada perto do Dia dos Namorados e a palavra cornucópia é procurada no Dia de Ação de Graças”, disse Sokolowski. “Vemos uma palavra como surrealismo quando ocorre um momento de tragédia ou choque nacional. É a ideia de dicionários serem o começo de colocar seus pensamentos em ordem. ”

Merriam-Webster agiu rapidamente em março para adicionar e atualizar entradas em seu site para palavras relacionadas à pandemia. Enquanto “coronavírus” já estava no dicionário há décadas, o termo “Covid-19” foi cunhado em fevereiro. Trinta e quatro dias depois, Merriam-Webster o colocou online, junto com algumas dezenas de outras entradas que foram revisadas para refletir a emergência de saúde.

“Esse é o menor período de tempo que já vimos uma palavra passar da criação à uma entrada no dicionário”, disse Sokolowski. “A palavra tinha essa urgência.”

“Coronavírus” também estava entre os concorrentes para virar a palavra do ano. “Quarentena”, “assintomático”, “mamba”, “kraken”, “defund”, “antebellum”, “shadenfreude”, “malarkey”, entre outras também tiveram picos de buscas durante eventos específicos.

“Quarentena” é particularmente interessante para nerds por palavras como Sokolowski. Com raízes italianas, foi usada durante a Peste Negra de 1300 para o período em que um novo navio que chegasse ao porto teria que esperar fora da cidade para prevenir doenças. O “quar” de quarentena deriva de 40, para os 40 dias necessários.

Os picos de “mamba” ocorreram após a morte de Kobe Bryant, em janeiro, cujo apelido era Black Mamba. Uma avalanche de buscas por “kraken” ocorreu em julho, depois que a nova franquia da National Hockey League de Seattle escolheu o mítico monstro marinho como seu nome, incentivada pelos fãs.

O site do Merriam-Webster tem cerca de 40 milhões de usuários únicos mensais e cerca de 100 milhões de page views mensais.

VÍDEOS: mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias

20 vídeos

Veja momento da tentativa de assalto a PM em São Paulo

Motorista ‘perde’ o carro em engarrafamento e fica vagando por meia hora no meio de rodovia até acharVÍDEO: Criança cai de prédio em São Paulo