MEC confirma que fará Enade em 2021, mas não estipula data

Avaliação de estudantes e cursos do ensino superior estava prevista para 6 de novembro de 2020, mas não foi realizada. O Ministério da Educação (MEC) publicou uma resolução em que confirma a decisão de realizar o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) em 2021. A data, no entanto, não foi estipulada. A resolução está no “Diário Oficial da União” desta segunda-feira (26).
O Enade avalia estudantes do primeiro e último ano de cursos de graduação. A prova estava prevista para ocorrer em 6 de novembro de 2020, mas foi suspensa devido à pandemia. Desde então, não havia mais informação sobre a manutenção ou não da prova.
A resolução desta segunda-feira confirma que a edição de 2020 será feita em 2021 e não traz mais detalhes sobre a prova. De acordo com o documento, a decisão foi tomada devido à pandemia de Covid, que “impossibilitou excepcionalmente o cumprimento da periodicidade máxima para aplicação do Enade”.
A edição anterior foi aplicada em 2019. Os resultados divulgados mostraram que as universidades federais são responsáveis por quase 70% das notas máximas no Enade. O orçamento do MEC, no entanto, poderá comprometer a manutenção da qualidade do ensino.
A próxima avaliação seguirá o cronograma de cursos previstos em 2020. São eles:
Licenciatura
Artes Visuais;
Ciência da Computação;
Ciências Biológicas;
Ciências Sociais;
Educação Física;
Filosofia;
Física;
Geografia;
História;
Letras – Inglês;
Letras – Português;
Letras – Português e Espanhol;
Letras – Português e Inglês;
Matemática;
Música;
Pedagogia; e
Química.
Bacharelado
Ciência da Computação;
Ciências Biológicas;
Ciências Sociais;
Design;
Educação Física;
Filosofia;
Geografia;
História;
Química; e
Sistemas de Informação
Tecnólogo
Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas;
Tecnologia em Gestão da Tecnologia da Informação; e
Tecnologia em Redes de Computadores
VÍDEOS: Saiba mais sobre Educação